Unidade da Região do São Patrício registrou 15.492 atendimentos ambulatoriais, 18.025 exames laboratoriais e 9.893  exames de imagens. Com a Carreta da Prevenção, foram feitas 3.433 mamografias e 2.545 exames de prevenção

A Policlínica Estadual da Região São Patrício – Goianésia celebrou na tarde desta quarta-feira, 12, um ano de atendimento. A unidade de saúde é categorizada como ambulatório e atende diretamente a população dos municípios que integram a região do São Patrício.

A  comemoração foi com os colaboradores e aconteceu na recepção da unidade de saúde. O Diretor do Instituto Cem, Organização Social (OS) que administra a Policlínica participou por meio de uma videoconferência. O coordenador operacional da Policlínica, Paulo Henrique Fernandes, apresentou um vídeo com os momentos de conquistas da unidade, durante um ano de trabalho em  equipe.

O gestor agradeceu a cada membro do instituto CEM e a cada colaborador da unidade pelo excelente trabalho realizado. Durante os agradecimentos, Paulo Henrique fez menção ao processo de formação de uma pérola. “A concha por ser ferida várias vezes pelo grão de areia, que adentra na mesma, vai liberando substância para se proteger. Com esse processo, ao longo dos anos forma-se a pérola.  Muitas vezes passamos por processos e aprendizados e nos transformamos em pérolas, ou seja, com as conquistas e obstáculos é que acontece o processo de crescimento. Cada profissional tem uma importância imensurável para equipe, e para unidade, que ao desenvolver seu trabalho com humanização e qualidade, proporciona o bem-estar na vida de um ser humano”, afirmou.

A colaboradora Iara de Lima Vaz, que atua no Recursos Humanos da Policlínica, agradeceu a oportunidade de fazer parte da equipe e relatou que foi um ano de conquista e realizações para todos. “Todos os profissionais tiveram empenho e dedicação para o desenvolvimento das ações destinadas. Obrigada pela oportunidade de trabalhar em equipe e pelos objetivos alcançados”, disse.

No fim da comemoração, foi entregue uma singela lembrança e oferecido um coffee break para os colaboradores da unidade.

Policlínica de Goianésia em números

Com um ano de funcionamento, a unidade apresenta números significativos No período foram realizados 15.492 atendimentos ambulatoriais, sendo 12.884 de especialidades médicas e 2.608 de especialidades não médicas. Em relação aos exames, a unidade realizou 18.025 exames laboratoriais e 9.893  de imagem. A Policlínica conta com 18 especialidades médicas, e sete não médicas.

Com a Carreta da Prevenção, unidade móvel ligada a Policlínica Estadual de Goianésia, que percorre municípios goianos, foram feitas 3.433 mamografias e 2.545 exames de papanicolau.

Ajustar fonte